Produto Relacionado:
Escova Dental Oral-b Pro-Saúde Antibacteriana

Escova Dental Oral-b Pro-Saúde Antibacteriana

Compre aqui

Respirar pelo nariz e soltar pela boca. Você certamente já ouviu essa recomendação em algum lugar. Não por acaso, ela é realmente a melhor forma de se respirar. Contudo, é comum encontrar muitas pessoas que fazem a respiração pela boca – e não pelo nariz. Para alguns pode ser encarado apenas como um hábito, mas para outros pode ser consequência de problemas respiratórios causados por alergias, por exemplo. A verdade é que essa prática não é certa e pode desencadear outros novos problemas, como na saúde bucal, afetando ainda a mastigação. O periodontista André Alvim explica mais sobre o assunto e fala sobre o tratamento adequado.

Desvio de septo e malformações na face podem provocar a respiração pela boca

Não é natural que algumas pessoas prefiram a respiração pela boca. “Geralmente, é algum problema de saúde que acaba fazendo a pessoa usar a boca ao invés do nariz”, alerta o profissional. Segundo ele, as principais doenças são aqueles que envolvem o nariz, como o caso da rinite alérgica e de um aumento da adenoide, ambas as doenças podem causar uma obstrução nasal ou respiratória. Além desses, desvio de septo e malformações da face também podem fazer com que o paciente procure a respiração inadequada. Não se esqueça de conferir com um médico se você se enquadra em alguns dos casos!

Respirar pela boca: consequências para a saúde bucal

E não é só a saúde geral que está em jogo. Ter esse pequeno costume pode apresentar consequências também para a saúde bucal. Segundo o especialista, os problemas podem ser simples e fáceis de tratar, como boca seca ou xerostomia, e também mais severos e complicados, como um mau desenvolvimento dos ossos do rosto. O paciente também pode apresentar flacidez nos músculos da face, um aprofundamento e estreitamento do céu da boca e até mesmo alteração na fala. Por isso, o quanto antes você resolver essa questão, melhor!

Mastigação pode ser afetada pela respiração bucal

Sim, pode! “A respiração bucal em crianças é ainda pior, causando mau desenvolvimento dos ossos da face”, comenta o profissional. Quando isso acontece, é importante que o pequeno e seus responsáveis procurem ajuda dos dentistas. Respirar dessa forma vai causar problemas ortodônticos e maloclusão dentária que, por sua vez, é a responsável pelos problemas na hora de mastigar. Ela acontece porque os dentes da arcada superior e inferior não conseguem formar uma mordida adequada. E, assim, a mastigação é prejudicada.

Qual é o tratamento para isso?

Na hora de ir ao consultório do dentista, o paciente precisa relatar dois problemas: respirar pela boca e mastigar inadequadamente. Para o primeiro caso é importante analisar as causas dele. Se for relacionado à saúde, como alergia, gripe, desvio de septo e amigdalite, deve-se procurar um médico especialista para tomar a medicação adequada. “Por outro lado, caso seja um hábito causado por ansiedade ou stress, uma terapia pode ajudar”, complemente o profissional.

Já o tratamento para problemas na mastigação, o paciente precisa procurar um ortodontista. Assim, ele irá definir o método mais indicado. “Pode ser o uso de um aparelho ortodôntico para reposicionar os dentes e, caso necessário, alargar o céu da boca”, finaliza.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
André Alvim – Periodontista
Rio de Janeiro – RJ
CRO-RJ 24039