Produto Relacionado:
Creme dental Oral-B Gengiva Detox Deep Clean

Creme dental Oral-B Gengiva Detox Deep Clean

Compre aqui

Sua gengiva está inflamada? Esse problema é muito comum em pessoas que não praticam uma boa higiene bucal. Também conhecida como gengivite, a doença bucal pode causar sangramento, vermelhidão, dor e inchaço. Mas além dos sorrisos naturais, você sabia que essa complicação também é capaz de surgir nos pacientes com implante dentário? O Sorrisologia entrevistou a dentista Camila Stofella que indicou a melhor forma de tratar uma gengivite. 

O que pode causar esse tipo de inflamação na gengiva?

A gengivite ou inflamação da gengiva tem inúmeras causas. De acordo com a profissional, ela pode ser motivada pela falta de higiene bucal e pelo acúmulo de biofilme nos dentes. Neste caso em específico, Camila revela: “O excesso de placa bacteriana acontece na margem gengival do local aonde a prótese ou o implante foi instalado”.

Quais os sintomas da gengiva inflamada por causa da prótese dentária?

Os principais sintomas da gengivite são: vermelhidão, dor e inchaço gengival. Em alguns casos, também é possível notar um sangramento na gengiva em momentos específicos do dia. Um deles acaba sendo durante a higiene bucal. Se você escovar os dentes ou passar o fio dental e notar um pouco de sangue ao longo desses cuidados, não ignore. Procure ajuda o quanto antes para tratar o problema e evitar que se torne uma periodontite.

Como é feito o diagnóstico da gengiva inflamada?

A profissional garante: “O diagnóstico pode ser realizado clinicamente por um dentista”. Para descobrir se realmente está com gengivite, marque uma consulta com seu odontologista para fazer um check-up. Com a análise completa realizada por esse especialista, é possível começar o tratamento o quanto antes!

O que é bom para gengiva inflamada devido ao uso da prótese dentária?

O melhor tratamento para gengivite é fazer a limpeza da região afetada com um dentista. “Às vezes o profissional indica bochechos específicos durante um período. Também pode ser necessário realizar o polimento e ajuste da prótese e dependendo da situação, a confecção de uma prótese nova (caso essa esteja muito antiga)”, indicou Camila. 

Cuidados para prevenir a inflamação na gengiva:

– Escovar os dentes após todas as refeições;

– Usar o fio dental ao menos duas vezes ao dia;

– Ir ao dentista a cada seis meses;

– Fazer profilaxia dental, a limpeza profissional dos dentes, uma vez ao ano;

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Camila Stofella Sodré – Doutoranda em Clínica Médica pela UFRJ. Mestre em odontologia com área de concentração em reabilitação oral / prótese. Especialista em prótese dentária.
Rio de Janeiro – RJ
CRO-RJ: 40419